• Equipe ENE

Espiritualidade x Vida Terrena



Muitas vezes ouvimos frases do tipo "Cuide de sua alma, para que o seu corpo esteja bem", "A vida não acaba", ""Somos imortais", e surgem as dúvidas: Se a vida não acaba, por que morremos? Somos mesmo seres humanos, ou somos alma em um corpo humano?


A espiritualidade existe, e não precisamos morrer para ter acesso à ela. Tudo o que está á nossa volta é espiritual. A natureza, o céu, as cores, os sabores, as pessoas, os acontecimentos. Tudo está conectado e interligado, e tudo tem uma razão de ser. Nada acontece por coincidência. A vida sempre nos fornece oportunidades. Todos os dias.

Oportunidade de expandir. De mudar. De crescer. De começar de novo.


Se estamos vivos, há um motivo. Uma razão além, algo que não sabemos porquê, e nem sequer entendemos muitas vezes. Mas, estamos em constante evolução, e a cada passo que damos, estamos indo de encontro com nossa missão, com a melhor versão de nós mesmos, com o nosso verdadeiro EU. Por mais tempo que leve para isso acontecer, estamos caminhando, e é isso que importa.


Somos seres espirituais, encarnados em corpos humanos. Sim! Já vivemos em outras existências, já nos encontramos com pessoas em outras existências, e por isso estamos aqui, novamente, na Terra. Vivendo mais uma oportunidade de corrigir nossos erros, de perdoar, de amar, de ser nós mesmos, sem máscaras, somente NÓS. Não somos perfeitos, por isso estamos aqui vivenciando à Terra mais uma vez. E sabe-se lá quantas vezes voltaremos. Será que essa será nossa última vida? E se for? Nós amamos o suficiente? Perdoamos o suficiente? Compreendemos o suficiente? Quem nós ajudamos, de coração? Será que compartilhamos tudo de bom que aprendemos? Será que respeitamos uns aos outros? Será que respeitamos nós mesmos? Será que ajudamos aos necessitados? Será que amamos, não só nossos amigos e família, mas também aqueles que não temos afinidade? Será que estendemos à mão?


Para viver, é necessário ter consciência. É necessário ter autoconhecimento. É necessário se preocupar com nossas vidas, com nossos passos, com nossos momentos. Precisamos nos perguntar todos os dias "Estou dando o melhor de mim? Estou fazendo para com os outros, tudo aquilo que quero para mim?". Precisamos fornecer o melhor de nós para todos aqueles que estiverem abertos à serem o melhor deles também, e assim, juntos, TODOS, faremos com que a vida na terra, seja leve, para que a vida espiritual tenha a mesma configuração: a configuração do amor, da união e da certeza, de que todos estamos no mesmo barco, e que o Universo, o Alto, o Todo, seja lá como você quer chamar, nunca nos desampara, e que estamos sempre em sua vigília, e assim sempre estaremos.


Somos espíritos. Somos alma. Somos humanos. Somos AMOR. Simplesmente, Somos.



Barbara Zampoli

189 visualizações0 comentário